História Do Uruguai

História Do Uruguai 1

A história do Uruguai abrange a história do atual território do Uruguai, desde antes de que se constituísse como estado até a atualidade. Outro achado significativo são os antropolitos, zoolitos e ornitolitos. Os habitantes conhecidos do atual território do Uruguai antes da chegada dos espanhóis eram as etnias de indígenas majoritariamente nômades dos conjuntos nação indígena da localidade amazónido: charruas, chanaes, guarani, yaros, bohanes, tapés, güenoas e arachanes.

XVI e XVII, chamado, pela época, Banda Oriental. Os espanhóis entraram pro gado, por iniciativa do assim sendo governador de Assunção, Hernandarias, que se adaptou facilmente ao território, estabelecendo-se as Vaquerías do Mar. A intenção por colonizar se viu aumentada ao ver-se a expansão de Portugal até as fronteiras do atual Brasil. Em vinte e dois de novembro de 1749, o rei de Portugal nomeou o primeiro Governador de Montevidéu e José Joaquín de Viana.

  • Pasteurizadora Leão
  • A pressão fiscal em Andaluzia é um impedimento pra investir
  • vince e seis de novembro de 2011 22:Cinquenta e um
  • Sabe o que eu tenho eu redonditos, senhora
  • dois Atividade política 2.1 Eleições presidenciais em 2016
  • Paróquia San Isidro, o Lavrador: Rua Parque Eugenia de Montijo, 54
  • Segundo Martínez Rodríguez (2004-2008)

O primeiro vice-rei do Rio da Prata, Pedro de Cevallos (ou Zevallos) reconquista Montevidéu, e a Fortaleza de Santa Teresa, como este, a ilha de Santa Catarina. A primeira fração do século XIX foi marcada por uma competição entre a Espanha e Portugal para poder adquirir o domínio a respeito da área. Ademais, entre 1806 e 1807, o Reino Unido invadiu Buenos Aires e Montevidéu, todavia foi derrotado e retirou-se.

Em 1810 em Buenos Aires explode a Revolução de Maio, à qual se acrescenta José Gervasio Artigas, liderando a Banda Oriental. Iniciado o modo revolucionário em Buenos Aires, na chamada Revolução de maio de 1810, a Banda Oriental tardou a integrar-se.

O chamado Grito de Asencio, protagonizado por Pedro José Viera e Venâncio Benavides, 28 de fevereiro de 1811, é considerado tradicionalmente o ponto de partida da revolução no povo. Rapidamente, no dia seguinte, se ocuparam das villas de Mercedes e de Santo Domingo Soriano, solicitando-socorros para a Junta de Buenos Aires.

José Gervasio Artigas, hoje considerado máximo herói nacional, aderiu à revolução e lançou uma bem-sucedida revolta contra Espanha. Depois de ocupar Soriano, Benevides, tomou O Colla 20 de abril. Artigas cumpriu o pacto, retirando o sítio de Montevidéu.

Quase toda a população do sul da Banda Oriental, entretanto Montevidéu, o acompanhou em retirada até o ribeiro Ayuí Grande pela atual cidade entrerriana de Concórdia, deixando o território aproximadamente vazio. Este evento é chamado o Êxodo oriental ou, também, A Redota e demonstrou liderança ou atividade de chefe de José Gervasio Artigas a respeito do público da Banda Oriental. A localização de Buenos Aires, apesar de acatadas, provocou um forte mal-estar entre os orientais.

História Do Uruguai
Rolar para o topo